Skip to content

Concurso da PMSC: falta de verba impede chamamento de aprovados, diz governo

A Polícia Militar realizou nesta terça-feira (04) a Aula Magna do Curso de Formação de Oficiais e Soldados. Participarão do curso 60 alunos cadetes e 626 alunos soldados aprovados no último concurso público. A previsão da PM é que esses soldados deverão estar nas ruas em dezembro deste ano.

Novos alunos do curso de formação de oficiais e soldados da PMSC – Foto: Ricardo Wolffenbuttel/Secom

 

Por outro lado, cerca de 190 remanescentes do concurso pedem a convocação ou então a revisão do prazo de convocação, previsto no edital, que se encerra no fim do ano.

 

O governo do Estado estuda uma viabilidade financeira para chamar todos os 874 aprovados no certame, no entanto, as perspectivas não são otimistas para convocar os remanescentes.

 

O governo diz que a PM está cumprindo que o STF determinou, ou seja, que fosse vedada qualquer restrição de gênero na concorrência para a totalidade das vagas dos concursos da Polícia e Bombeiros militares de Santa Catarina.

 

A convocação desses remanescentes é vista, internamente, como decisão do governador, que deverá se reunir com o comandante-geral da PMSC, coronel Aurélio José Pelozato, e o secretário de Estado da Fazenda, Cleverson Siewert, para estudar a possibilidade de incluir os aprovados ou não.

 

Na aula magna, Jorginho Mello disse que está recompondo a Polícia Militar, porém dentro do que o Estado pode pagar, dentro do peso da máquina pública.

 

A possibilidade de prorrogação do edital é descartada. Já que não prevê reserva de vagas, ou uma segunda ou terceira chamada. “Esse concurso se encerra com o edital. O edital tem data limite”, disse categórico o comandante da PM.

 

A corporação tem duas semanas ainda para chamar candidatos por eventuais desistências, mas até segunda ordem, não há uma chance clara de convocar o total de remanescentes.

 

Para os remanescentes, eles não estão pedindo o impossível. Apenas que seja revista essa parte do edital para uma futura turma e aproveitamento dos 190 futuramente. Um pedido para retificação do edital foi encaminhado, por eles, ao procurador-geral do Estado, Márcio Vicari.

 

O grupo sabe que no momento a APMT (Academia da Polícia Militar da Trindade) não tem estrutura para receber mais policiais. E a nomeação destes remanescentes no próximo ano não geraria um gasto para o estado e sim uma economia, pois já foram investidos R$ 4 milhões nesse concurso.

 

O grupo sustenta que descartar esses aprovados seria uma decisão equivocada.

“Concurso com a maior nota de corte da história da PMSC. Não precisar abrir um novo concurso aproveitando esse pessoal. Nós também gastamos muito, muitas etapas, tem gente do Brasil inteiro que gastou muito para vir cumprir as etapas”, desabafou um dos remanescentes.

Fonte: ND+

Compartilhe essa notícia

Navegue pelos posts!

No comment yet, add your voice below!


Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Mensagem do dia

Ouça e faça o Download da nossa mensagem do dia!

Previsão do Tempo

loader-image
Xaxim - SC
21:38, jun 14, 2024
temperature icon 23°C
céu limpo
Humidity 47 %
Wind Gust Wind Gust: 55 Km/h
Clouds Clouds: 9%
Sunrise Sunrise: 07:17
Sunset Sunset: 17:44